Top 10 Razões para conhecer os seu Clientes

Conhecer devidamente a sua audiência é um processo que implica a análise cuidada de todas as métricas de um website A aquisição desse conhecimento, por sua vez, apresenta o potencial de maximizar as probabilidades de elevar o seu website ao patamar de excelência desejado, aumentando o número de visitas recebidas e a taxa de conversão do mesmo. Este processo, ainda que extremamente produtivo, requer a utilização das ferramentas adequadas, tempo e uma boa capacidade de análise, de modo a conseguir detectar os indicadores de desempenho mais importantes, interpretá-los correctamente e utilizar a informação recolhida para a criação de um website que se revele em maior conformidade com as necessidades do seu público alvo. Este é um trabalho que a nossa empresa se disponibiliza a realizar caso prefira poupar tempo e colocar este processo de análise nas mãos de especialistas que conseguirão ler e interpretar os mais importantes indicadores de desempenho com o maior grau de eficiência possível. Para saber mais sobre o nosso serviço de analytics contacte-nos e exponha qualquer que seja a dúvida que possa ter.

A analise das métricas do seu website pode ser feita através de diversas ferramentas. A mais popular, completa e eficiente de todas elas é o Google Analytics. Através deste serviço poderá recolher uma vasta multitude de dados que lhe permitirão analisar meticulosamente o comportamento dos visitantes do seu website, possibilitando-lhe assim ficar a conhecer muito melhor a sua audiência. De seguida damos-lhe 10 boas razões sobre o porquê de ser tão importante conhecer a sua audiência.

1. Torne o seu site mais intuitivo e apelativo para a sua audiência

Antes de avançar com a construção de um website é importante determinar qual o público alvo do mesmo. Isso envolve recolher informações como a faixa etária, nacionalidade e interesses pessoais da sua audiência. Imaginemos que o seu público alvo são adolescentes. Poderá e deverá adaptar o design do seu website, a sua estrutura e a forma como o conteúdo é escrito e apresentado a esse segmento demográfico. Isto ajudará a criar uma ligação mais forte com o seu público alvo e a aumentar as probabilidades de vir a reter o interesse do mesmo.

2. Descubra para que idiomas deverá traduzir o seu website

Mesmo que o objectivo inicial seja disponibilizar o seu conteúdo para o público português, é possível que o seu website acabe também por atrair visitantes de outros países. É, por exemplo, muito comum um utilizador português efectuar uma pesquisa no google e aparecerem-lhe resultados em espanhol. O inverso também acontece. Isto, porque, as línguas são muito parecidas por isso é natural que visitantes de países cujo idioma seja o espanhol sejam, por vezes, direccionados para o seu site, quer através do Google, quer através de outras plataformas. Poderá identificar esta dinâmica através do Google Analytics. Caso se aperceba que isto acontece regularmente, então poderá pegar nessa informação e com base nela preparar o seu website para disponibilizar o conteúdo em espanhol, ou até mesmo noutra língua qualquer. Em muitos casos será uma excelente oportunidade para tornar o seu website ainda mais popular.

3. Saiba para que plataformas optimizar o seu site

Através da análise das métricas do seu site conseguirá rapidamente saber para que plataforma deverá optimizá-lo. Idealmente, o seu site deverá estar logo de inicio muito bem optimizado, tanto para web, quanto para plataformas móveis. No entanto, através do Google Analytics poderá analisar qual das plataformas apresenta mais aderência, e talvez investir ainda mais seriamente nela. Poderá, também, comparar dados entre plataformas de modo a determinar se é necessário efectuar ajustes para que uma delas comece a apresentar estatísticas mais satisfatórias.

4. Fique a saber em que tipo de conteúdo deverá concentrar-se mais

Através de ferramentas de análise métrica como o Google Analytics poderá observar que tipo de conteúdo origina melhores resultados. Que tipo de conteúdo retém a atenção do visitante durante mais tempo, por exemplo, bem como tipo de conteúdo atrai mais visitantes para o seu site. Ao ter acesso a estes dados saberá em que aspectos teve a abordagem mais correcta, tendo assim oportunidade de se focar em estratégias comprovadamente producentes. Por exemplo:imaginemos que detecta que são os textos mais longos e completos, compostos por infográficos, que originam mais visualizações e uma maior taxa de conversão. Sabendo isso, poderá focar-se nesse tipo de publicação e utilizá-la mais regularmente para impulsionar o crescimento do seu website.

5. Conheça melhor as suas fontes de tráfego

Ao estudar as métricas do seu website tem a possibilidade de descobrir quais as suas melhores fontes de tráfego. Isto permitir-lhe-á apostar ainda mais forte nelas, aproveitando assim melhor as estratégias que mais contribuem para a popularidade do seu projecto. Da mesma forma, poderá saber se uma determinada fonte de tráfego está ou não a trazer-lhe a quantidade de visitantes pretendidos, e fazer. Este é um dado que poderá revelar-se absolutamente vital para a delineação de estratégias.

6. Saiba o que visitantes pesquisam no seu site

Entre as muitas ferramentas extremamente úteis do Google Analytics, está a possibilidade de ter acesso às pesquisas internas do seu site. Ou seja, aquilo que um visitante pesquisa ao chegar ao seu site. A razão pela qual esta opção é tão útil e importante é porque permite-lhe saber o que é que os seus visitantes realmente querem, dando-lhe assim a oportunidade de disponibilizá-lo, o que em muito beneficiará o sucesso do seu espaço online. Este conhecimento também lhe permitirá efectuar todas as alterações necessárias ao seu site para melhor satisfazer os interesses de quem o visita. Poderá, por exemplo, tornar determinado produto ou determinado conteúdo mais facilmente acessível a quem entra no site, caso veja que os seus visitantes pesquisam pelo mesmo em vez de conseguirem encontrá-lo rapidamente.

7. Determine quais as redes sociais mais favoráveis para o seu site

A análise das métricas do seu website dá-lhe a oportunidade de determinar de que rede social recebe mais visitantes. Informação como esta pode ajudá-lo a decidir a abordagem mais adequada para cada uma das redes sociais onde participa. Esta informação pode revelar-se extremamente importante para o processo de gestão do orçamento disponível para campanhas publicitárias, uma vez que com a informação que lhe é disponibilizada pelo Google Analytics poderá facilmente determinar quais as redes que poderão necessitar de um investimento maior e quais aquelas onde o orçamento poderá ser mais relaxado. Saber qual a rede social que melhor resulta para si dar-lhe-á, também, a oportunidade de se focar mais nela e nas estratégias que parecem estar a resultar, de modo a aumentar ainda mais o tráfego para o seu website. Da mesma forma, poderá poupar tempo e dinheiro extremamente valiosos deixando de investir tanto em redes que não se revelem as mais adequadas para o seu modelo de negócio.

8. Explore a possibilidade de parcerias

O Google Analytics permite-lhe verificar quais os links externos mais clicados no seu website. Ao determinar para que website os seus visitantes são mais redireccionados, poderá posteriormente contactar esses mesmos websites e propor-lhes parcerias, uma vez que é possível que ambas as empresas tenham elementos importantes em comum e possam complementar-se uma à outra de diversas formas, e assim contribuir para um crescimento mútuo. Parcerias são parte integrante da estratégia de crescimento de muitos websites. Assim sendo, se tiver a oportunidade de explorar estas oportunidades, não deverá deixar de fazê-lo. Estabelecer uma relação desta natureza não é propriamente tarefa fácil, mas é importante que tenha a iniciativa e a determinação para tentar estabelecer relações desta natureza. Há parcerias que poderão impulsionar drasticamente o desenvolvimento do seu negócio online.

9. Combata a taxa de rejeição

A taxa de rejeição refere-se à percentagem dos seus visitantes que abandona o seu site sem visitar qualquer outra página do mesmo. O ideal é que a taxa de rejeição seja o mais baixa possível, pois um visitante que entra e sai de imediato do seu website sem clicar em nada tem tanto valor quanto um visitante que nunca chegou sequer a entrar. Este comportamento geralmente significa que o visitante entrou mas não encontrou aquilo que procurava, portanto resolveu abandonar o site. A maior parte dos sites apresenta uma taxa de rejeição de pelo menos 20%. . Se reparar que a taxa de rejeição é, por exemplo, 25%, ou 35%, não tem motivo para grandes preocupações, No entanto, taxas mais elevadas, como é o caso de tudo aquilo que se situe acima dos 50%, devem ser interpretadas como um indicador de que existe um problema com o seu website e é importante tentar identificá-lo o mais rapidamente possível. Ao utilizar ferramentas como o Google Analytics poderá manter-se a par da taxa de rejeição e actuar atempadamente sempre que assim se justifique. Sem a análise das métricas do seu website limitar-se-ia a experienciar maus resultados sem sequer entender porquê e sem saber concretamente o que fazer para consertar a situação.

10. Conheça a verdadeira taxa de conversão do seu site

A taxa de conversão é uma métrica analisada por qualquer pessoa que venda serviços ou produtos online e constitui um indicador muito expressivo do quão eficientes as suas estratégias de marketing e venda se estão a revelar. Na maior parte das vezes, a taxa de conversão é calculada levando em conta a totalidade dos seus visitantes. Ou seja, se tiver 100 visitas e 2 efectuarem uma compra ou uma determinada acção desejada, diz-se que a sua taxa de conversão é de 2%. O problema deste método é que leva em conta visitantes que, pura e simplesmente, não comprariam o seu produto, independentemente do preço ou da forma como o mesmo for publicitado, uma vez que não estão interessados e nada lhes fará mudar de ideias. Ou seja, o desinteresse deles nada tem a ver com a sua habilidade de vender o produto, e como tal não deverá levar estas visitas em consideração no momento de calcular o seu sucesso de vendas. O Google Analytics permite-lhe definir parâmetros que filtrem visitantes que abandonem imediatamente o site, passando a considerar para a taxa de conversão apenas aqueles que permaneceram. Desta forma conseguirá desenvolver uma percepção muito mais clara e realista da eficiência das tácticas que tem vindo a adoptar. Esta simples mudança na forma como calcula a taxa de abandono poderá revelar-lhe que, afinal de contas, até está a fazer um bom trabalho, quando possivelmente andava preocupado com o quão baixa a taxa de conversão lhe parecia.

Conclusão

A utilização regular de ferramentas de análise métrica é imprescindível para uma maximização eficiente de todo o potencial do seu website, uma vez que permitem-lhe conhecer mais aprofundadamente a sua audiência. A partir do momento em que conhece a audiência do seu site conseguirá mais eficazmente determinar que técnicas deverá utilizar para captar a sua atenção, o que ajudá-lo-á a alcançar taxas de conversão muito mais satisfatórias. Este processo é tão importante que deverá sempre ser

A análise destas métricas poderá ser feita por si mesmo,mas até mesmo por detrás de ferramentas como o Google Analytics existe uma ciência, o que significa que um especialista na utilização das mesmas conseguirá efectuar uma interpretação muito mais eficiente dos dados recolhidos. Se pretende deixar este trabalho nas mãos de uma equipa altamente especializada, contacte-nos já de forma totalmente gratuita para conhecer todos os serviços de analytics que colocamos ao seu dispor. Não só analisaremos e interpretaremos todas as métricas do seu website que possam servir como um indicador da qualidade do seu desempenho, como também as utilizaremos para a delineação de estratégias que ajudem a impulsionar a sua popularidade, garantindo assim um melhor posicionamento nos motores de pesquisa, taxas de rejeição mais baixas e taxas de conversão consideravelmente mais altas.

o seu website precisa de ajuda?

sim!